Carregando

Transformação digital: a influência da tecnologia nos negócios

Por banco-topazio | 29 de agosto de 2019

As novas tecnologias têm agilizado os processos nas organizações e facilitado a rotina das pessoas

 

As empresas vêm trabalhando em ritmo acelerado para se adaptar às novas tecnologias e aproveitar suas possibilidades para ampliar sua atuação no mercado e alcançar melhores resultados. Para se ter uma ideia, um estudo da IDC Brasil mostrou que 42% das empresas irão aderir ao processo de transformação digital entre os anos de 2019 e 2021.

Ocorre que a transformação digital está tomando conta dos nossos processos de trabalho. Por isso, vamos falar sobre como a tecnologia está impactando as organizações e causando uma revolução no mercado.

 

A revolução tecnológica 

Com a popularização da internet, tudo está mais acelerado, e as empresas não podem ficar de fora dessa revolução digital. Os clientes estão cada vez mais bem informados e com fontes de pesquisa na palma da mão, o que os torna mais exigentes e buscando mais praticidade e otimização do tempo no seu dia a dia.

Neste contexto, as empresas começam a perceber a necessidade de apostar em soluções que trazem mais agilidade tanto aos seus processos internos quanto à forma como estão atendendo seus clientes. A seguir, listamos alguns exemplos de como a tecnologia está impactando diferentes áreas dentro das organizações:

 

1. Recursos Humanos

Com o avanço da tecnologia e a possibilidade de automatização de processos, o RH já não precisa mais perder tempo com cálculos manuais de vale-transporte, férias e todas essas burocracias trabalhistas. Com ferramentas de gestão que incluem sistemas de cálculo inteligentes, além de ganhar tempo, a área tem a vantagem de diminuir as chances de erro.

O recrutamento de profissionais também tornou-se mais fácil e ágil com o auxílio das mídias sociais, como o LinkedIn. Os gestores e recrutadores podem avaliar o perfil dos candidatos pela plataforma, se eles realmente se encaixam no perfil procurado e iniciar a comunicação por ali. Isso diminuiu o tempo de filtrar currículos, além de ter uma visão mais aprofundada das habilidades do candidato. A sua empresa não está no LinkedIn? Confira aqui como criar o seu perfil.

2. Gestão e planejamento

Gestores têm muito a ganhar ao incorporar soluções digitais em seus processos. Um exemplo é o Enterprise Resource Planning (ERP, ou Sistema Integrado de Gestão Empresarial, em português). Essa tecnologia tem como função integrar informações de diferentes setores e etapas do processo de gestão de uma organização, do atendimento ao estoque, da logística ao RH.

Além de agilizar procedimentos, como a troca de informações internas, é possível aumentar a produtividade da equipe, já que ter todos os dados da sua empresa centralizados no mesmo lugar evita o desperdício de tempo em funções manuais como o cadastro de produtos em estoque ou anotações do fluxo de caixa.

3. Relacionamento com o cliente

Aqui, podemos citar como exemplo o Customer Relationship Management (CRM, ou Gestão de Relacionamento com o Cliente, em português) uma ferramenta que captura e armazena dados de contato, como nome, idade, telefone e e-mail, além de outras informações, como localização e histórico de compras, permitindo melhores análises do perfil dos consumidores.

E por falar em ferramentas tecnológicas que facilitam o relacionamento com o cliente, saiba que você pode, por exemplo, enviar ofertas personalizadas para seus clientes com base em seu histórico de compra ou nos desejos que eles expressam pelas mídias sociais. Hoje, existem soluções de monitoramento e análise de dados que permitem uma visão ampla do mercado onde sua empresa atua, identificando oportunidades e riscos para seu negócio.

Utilizando sistemas de gestão de clientes, você consegue saber o que é mais interessante oferecer para determinado consumidor e qual é o melhor momento para isso, além de ter mais eficiência ao personalizar as suas entregas.

É preciso estar preparado para atender seu cliente de forma qualificada em todos os pontos de contato da marca. Com um smartphone na mão, os consumidores podem ter o produto que quiserem a alguns cliques, podendo recebê-los onde bem entenderem. Ou seja, neste novo perfil de consumo, a transformação digital está quebrando as barreiras entre on e offline.

Neste sentido, muito além de disponibilizar vários canais de atendimento, é fundamental estar preparado para operá-los. Assim, é importante contar com soluções que permitam não só que você atenda com qualidade, mas que, principalmente, otimize internamente seus processos.

 

E no setor financeiro?

A transformação digital também vem mudando a maneira como lidamos com nosso dinheiro, seja com o surgimento de novas formas de pagamento e até mesmo de moedas virtuais.  Hoje, apenas com alguns cliques e sem sair de casa, já é possível fazer as mais diversas transações.

E é neste cenário que os  bancos digitais são destaque. Eles se caracterizam por disponibilizar seus serviços com menos burocracia, mais agilidade e taxas mais baixas.

Uma recente pesquisa realizada pela FEBRABAN mostra que os canais digitais se tornaram o meio mais usado pelos clientes. Em apenas um ano, o acesso aos aplicativos dos bancos registrou um crescimento de 24%. Vale ressaltar que as Fintechs, assim como as startups que trabalham para inovar e otimizar serviços do sistema financeiro, são as maiores disseminadoras desta revolução digital bancária no País.

Outra importante transformação digital no sistema bancário é o Open Banking, que possibilita o compartilhamento de dados, produtos e serviços por parte das instituições financeiras para facilitar a vida dos usuários. Integração é a palavra-chave neste processo. A transformação digital está mudando o mercado, e as soluções digitais são uma ótima opção para seu negócio se destacar da concorrência.

Gostou do conteúdo? 🤗 Continue acompanhando o blog do Banco Topázio com dicas e novidades do mercado.

Deixe o seu comentário