Carregando

Open Banking: o que é e como está transformando o setor financeiro

Por banco-topazio | 4 de julho de 2019

A tecnologia mudou por completo a vida das pessoas. Para se manter no topo, as empresas precisam estar em constante atualização. Assim, em meio a tantas transformações, o cliente se tornou o ponto central dos negócios, exigindo serviços simples e de fácil acesso.

Nesse cenário, os bancos, como uma das instituições mais importantes na rotina das pessoas, não poderiam parar no tempo e manter o mesmo padrão de atendimento ao público. Para se ter uma ideia, a Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2019 revela que 60% das transações bancárias já são feitas por canais digitais, em dispositivos como celular e computador.

 

Uma breve história da evolução dos bancos

Antes do surgimento das máquinas registradoras, operações como saques e depósitos eram anotadas à mão pelos trabalhadores dos bancos na ficha do cliente, em um livro de registros. Mas sempre tendo a tecnologia como apoio, os bancos passaram a facilitar as transações com o surgimentos dos caixas eletrônicos e os registros dos clientes em sistemas online.

E hoje, com as possibilidades trazidas pela tecnologia, os bancos vêm se digitalizando no mundo inteiro. As operações bancárias online oferecem mais agilidade e conforto para os usuários, já que é possível realizar transações como consulta de saldo e extrato, transferências e pagamentos sem precisar ir até uma agência bancária. E no meio dessa evolução, entra em cena o open banking.

 

Mas, afinal, o que é open banking?

Chamado de sistema financeiro aberto (em português), o open banking é capaz de oferecer novas possibilidades e melhores experiências ao cliente final a partir do compartilhamento de dados, de produtos e serviços das instituições financeiras, possibilitando a criação de novos serviços e aplicações de negócio.

Esses sistemas financeiros funcionam por meio das chamadas APIs (Interface de Programação de Aplicativos em português, um conjunto de padrões de programação que permitem a construção de aplicativos). Na prática, o open banking funciona como um facilitador pela ampliação dos sistemas bancários digitais.

Se você utiliza um aplicativo de gestão financeira para controlar as entradas e saídas do caixa do seu negócio, já pensou poder conectá-lo diretamente ao sistema do seu banco para pegar as informações do extrato automaticamente? Esse é o tipo de agilidade, praticidade e comodidade que uma solução open banking pode proporcionar.

 

Vantagens do open banking

Investir em um sistema open banking traz uma série de benefícios, tornando a experiência do cliente mais satisfatória. Conheça alguns deles:

Segurança dos dados

Como falamos, as APIs são responsável pelo compartilhamento dos dados, e isso ocorre de forma bastante segura. Nesse processo, a ferramenta cria uma espécie de portão, em que apenas determinadas informações estarão acessíveis aos outros usuários da plataforma.

Investimentos facilitados

A integração entre diferentes plataformas permite que o cliente tenha uma visão mais ampla dos investimentos que estão à sua disposição. Assim, a comparação entre os tipos de aplicação que existem no mercado é facilitada, permitindo que você encontre a opção que mais se encaixa ao perfil do seu negócio.

Agilidade

A rotina de ir até uma agência bancária ainda é bastante comum na vida dos empresários. Mas é importante saber que existem outras opções, mais rápidas e práticas, que podem ajudar nessa tarefa. É o caso do internet banking. Nesse cenário, o open banking permite que o seu banco esteja aberto para que outros programas se conectem diretamente a ele (com sua devida permissão), o que agiliza os processos financeiros e ajuda a diminuir os custos das operações para os clientes.

Qualidade do serviço

A livre circulação das informações oferece aos usuários mais opções de escolha. Isso faz com que a competição entre empresas seja estimulada. Logo, a companhia que oferecer o melhor serviço terá mais chances de conquistar o cliente. Assim, as empresas passam a focar em como satisfazer seu público-alvo, e esse sistema possibilita conhecer melhor o cliente e apresentar uma experiência exclusiva em tempo real.

 

E o Brasil nisso tudo?

Você pode ainda, não ter ouvido falar sobre isso, mas o open banking já está presente no Brasil. Por isso, o Banco Central (BC) deve estabelecer um modelo de open banking para ser implementado em 2020. Depois disso, os grandes bancos serão obrigados a adotar a plataforma. Por sua vez, as instituições financeiras menores poderão optar por não implementar a solução, mas, neste caso, é possível que percam clientes e relevância.

Ou seja, a realidade é um futuro cada vez mais digital. Isso significa que as empresas precisam adaptar seus serviços ao mundo online para continuar conquistando clientes. Dessa maneira, não se pode tirar os olhos das inovações tecnológicas, já que a internet é o personagem principal das grandes transformações do mercado. E no mundo financeiro não é diferente.
O open banking traz praticidade e clareza às operações bancárias, economizando o seu tempo e dinheiro. Nesse cenário inovador, fique sempre atento às novidades do mercado.

 

 

Deixe o seu comentário