Carregando

PLD/CFT e KYP: entenda o programa “conheça seu parceiro”

Por banco-topazio | 27 de maio de 2021

Conheça mais sobre o procedimento KYP (Know Your Partner) e saiba a importância dessa prática nas organizações

Uma das estratégias que fazem parte da política de PLD/CFT (Prevenção à Lavagem de Dinheiro e Combate ao Financiamento do Terrorismo) é o KYP (Know Your Partner) , em português “conheça seu parceiro”. Assim como os procedimentos KYE, KYS e KYC, é fundamental para garantir a aplicação de boas práticas de PLD/CFT.  

O KYP consiste na adoção de regras e métodos para identificar o parceiro com base em diversos fatores, por exemplo: seus negócios, tempo de atuação, situações reputacionais e know how dos sócios. Nesse sentido, essa atividade é desenvolvida com objetivo de estabelecer a abordagem de risco de PLD/CFT com o parceiro, no intuito de garantir a saúde dessa relação.

A importância e os benefícios de aplicar o procedimento KYP

A partir de ações de monitoramento é possível intensificar um método de KYP em relação às atividades desempenhadas. Ou seja, identificar e mensurar o risco de utilização de seus produtos e serviços na prática da lavagem de dinheiro e do financiamento do terrorismo.

Quer receber conteúdos como esse por email? Inscreva-se na nossa newsletter!
É só preencher seus dados no final da página.

Também é essencial que as instituições consigam manter atualizadas as informações relativas aos parceiros. Considerando inclusive eventuais alterações que impliquem mudança de classificação nas categorias de risco. 

E, dessa forma, é fundamental que sejam feitos procedimentos como: preenchimento completo de formulários, pesquisas sobre a reputação dos eventuais parceiros de negócios como parte do procedimento de contratação. Bem como realizar o encaminhamento de qualquer atividade suspeita para a equipe de Compliance.

As análises de KYP podem ser feitas de forma totalmente digital. A partir do cruzamento de dados de APIs, cadastros em bancos digitais e outras listas atualizadas em tempo real, por exemplo.

Leia mais sobre PLD/CFT e confira também, as boas práticas para corretoras de câmbio:

> Entenda o que é PLD/CFT e qual a importância nas operações financeiras

> PLD/CFT: boas práticas para corretoras de câmbio

Deixe o seu comentário